English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Como identificar e testar um resistor

Olá! nesse post irei mostrar como testar um resistor, para executar o teste primeiramente precisamos saber como identificar o valor do componente.
Como sabemos os resistores usam um código de cores padronizado, os resistores mais utilizados possuem quatro listras para indicar o valor de sua resistência. Aqui no blog tem um post com a tabela completa de cores e valores dos resistores!
Como mostrado na figura podemos ver que, a primeira listra é de cor Marrom = 1, a segunda é preta = 0, a terceira  é laranja = 3 e a quarta que como podemos ver, é mais afastada das outras que indica a tolerância que no caso é de cor Ouro = 5%.
As duas primeiras fileiras correspondem aos dois primeiros dígitos, a terceira representa o multiplicador (ou número de zeros).
Então no nosso resistor da imagem esta sendo indicado o número 103, como o terceiro número indica o multiplicador ou número de zeros, temos um resistor de 10 000 Ohms com 5% de tolerância!
Veja a figura abaixo:



OBS: Clique na imagem para obter melhor visualização!

Agora vamos aos testes, primeiramente verifique o valor do resistor a ser testado, em seguida posicione a escala do multímetro onde se mede resistência, depois coloque as pontas de prova do multímetro nos terminais do resistor (não importa a polaridade), como mostra a próxima imagem, e verifique o valor mostrado no display!
Veja a figura abaixo:



OBS: Clique na imagem para obter melhor visualização!

Como podemos notar, o valor indicado no display da imagem acima, foi bem próximo ao indicados nas listras do resistor.
Listras indicam 10 000 Ohms
Multímetro indica 9 812 Ohms.

Essa pequena diferença é normal, devido aos 5% de tolerância indicado no resistor.
A tolerância é uma pequena margem de "erro" que um resistor pode apresentar em seu valor na pratica comparado com o de suas cores. É muito difícil produzir componentes com alta precisão, e essa precisão também varia de acordo com outras coisas, como temperatura ambiente entre outras circunstâncias.
No caso do resistor utilizado como exemplo, ele possui uma tolerância de 5%, isso significa que no máximo ele pode variar 5% a mais ou a menos do que seu valor impresso.
Se o resistor utilizado possui indicação que sua resistência é de 10 000 Ohms, e possui uma tolerância de 5%, isso significa que ele pode  ter uma resistência no máximo 500 ohms para mais ou para menos que seu valor indicado que é 10 000 Ohms. O valor de 500 Ohm significa 5% de 10 000.
Então em condições de trabalho normais sua resistência máxima pode chegar a 10 500 Ohms e a minima 9 500 Ohms, acima ou abaixo disso o resistor já esta fora de suas condições normais, ou seja, alterado!
As vezes quando o resistor da algum defeito, ele pode apenas estar alterado, ou seja, com um valor fora de sua tolerância, como mostrado na próxima figura. Caso isso ocorra o circuito em que o resistor esta empregado pode receber uma corrente muito alta, caso o resistor esteja com resistência abaixo da tolerância, ou uma corrente muita baixa se o resistor estiver com sua resistência muito alta!
Veja a figura abaixo:



OBS: Clique na imagem para obter melhor visualização!

Na próxima imagem mostro os tipos mais comuns de defeitos em resistores, que são: quando o resistor entra em curto, ficando sem resistência como um "fio", liberando corrente demais para o resto do circuito, ou quando o resistor se abre e fica com uma resistência muito alta ou infinita, assim não conduzindo a corrente elétrica necessária ao circuito!
Veja a figura abaixo:



OBS: Clique na imagem para obter melhor visualização!

Seja um seguidor do blog, compartilhe conhecimento!

Cadastre seu e-mail gratuitamente e receba as atualizações do blog!

Abraços!

Att: Vando

20 comentários:

  1. Interessantissimo ! Parabens pela iniciativa

    ResponderExcluir
  2. Valeu. Ensinar é um ato de muita grandeza humana e fazê-lo de graça é um ato de caridade. Obrigado pela caridade. Aprendi o que precisava, no momento de maior aflição. Obrigadíssimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo tudo bem? Muito obrigado pelos elogios, fico muito feliz que tenha gostado do blog! Já aprendi muitas coisas com outros sites e blogs, gosto de compartilhar o pouco que sei, e também aprendo muito com vocês!

      abraço!

      Att: Vando

      Excluir
  3. Olá amigo, tenho uma questão na cabeça que percebi realizando experimentos iguais aos da foto, os resistores de menor resistividade possuem uma porcentagem de erro extremamente maior do que um resistor de alta resistividade? Você saberia me explicar a razão dessas discrepâncias relacionadas ao erro?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo tudo bem? olha não tinha reparado nisso, não sei lhe informar, isso depende do fabricante, do material que o componente é feito, acho que eles só se importam em deixar o resistor com seu valor entre a margem de tolerância marcada no resistor, assim podendo estar com qualquer valor respeitando aquele limite, apenas os resistores de precisão que não tem essa diferença.Espero ter ajudado!

      abraço!

      Att: Vando

      Excluir
    2. Muito bom parabéns. Assim aprendemos mais um com os outros.

      Excluir
    3. Olá amigo Pele tudo bem? muito obrigado, fico muito feliz que tenha gostado do post!

      abraço!

      Att: Vando

      Excluir
  4. Parabéns pelo post, simples e que tira duvidas complicadas de muita gente, por exemplo as minhas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo Igor tudo bem? fico feliz que tenha gostado! muito obrigado!

      abraço!

      Att: Vando

      Excluir
  5. Respostas
    1. Olá amigo Emerson tudo bem? que bom que gostou do post! fico feliz!

      abraço!

      Att: Vando

      Excluir
  6. Obgd estou tentando fazer um osciloscópio para usar no meu smartphone e seu tópico foi de grande ajuda obgd.
    Passar o conhecimento adiate é uma forma de alcançar a imortalidade...
    Boa tarde

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo Edevandro tudo bem? fico feliz que o post tenha ajudado! muito obrigado! o amigo pode ser um seguidor do blog, assim ficará por dentro das atualizações do blog!

      abraço!

      Att: Vando

      Excluir
  7. Olá boa tarde , estou com um resistir de valor de 680k , só que no multimetro ele marca 900 ou até mais , seria ele um resistir em curto , e o equipamento o qual se aplica funciona tudo menos o áudio, o qual essa placa alimenta , desde já obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo tudo bem? Se o resistor de 680k estiver dando 900k ou mais ele realmente está alterado, ou seja com defeito, o amigo fez a medição com o componente fora da placa? por que se o amigo mediu o componente na placa pode ter algum outro componente em paralelo com esse resistor fazendo com que sua medição saia com resultado alterado, caso fez com ele solto da placa, ele esta com problemas mesmo! espero ter ajudado, qualquer duvida é só deixar comentário ok?

      abraço!

      Att: Vando

      Excluir
  8. Olá Vando, fiz os teste na placa e fora dela é os resultados foram os mesmos, fiz a substituição do resistir e o equipamento funcionou perfeitamente, valeu pela dica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo tudo bem? fico feliz que tenha conseguido resolver o problema!

      abraço!

      Att: Vando

      Excluir
  9. valeu aprendi muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo tudo bem? fico feliz que o blog tenha sido útil!

      abraço!

      Att: Vando

      Excluir